Como viajar com um orçamento limitado?

Para viajar com um orçamento limitado, comece planejando sua viagem para o período de entressafra, quando as passagens aéreas geralmente são mais baratas. Em seguida, tente reservar voos de manhã cedo e no meio da semana, que normalmente têm as tarifas mais baixas. Quando estiver procurando por hospedagem, confira sites que oferecem quartos para alugar, como o Airbnb, já que podem ser mais baratos que um hotel. Para atividades gratuitas ou econômicas, confira os passeios a pé gratuitos ou procure os descontos que as atrações podem oferecer com base na sua idade ou no seu status como estudante ou profissional. Para obter mais dicas, incluindo como economizar em seu orçamento alimentar, role para baixo!

Para viajar com um orçamento limitado
Para viajar com um orçamento limitado, comece planejando sua viagem para o período de entressafra, quando as passagens aéreas geralmente são mais baratas.

Viajar é muitas vezes considerado um luxo, mas é muito possível ver o mundo sem quebrar o banco. Comece decidindo exatamente quanto deseja gastar e onde gostaria de ir, se tiver uma preferência. Em seguida, pesquise agressivamente as melhores ofertas de voos e acomodações. Aproveitar o entretenimento local gratuito, como passeios a pé, é outra ótima maneira de economizar. Você pode se surpreender com o quanto pode ver e fazer com um orçamento limitado.

Método 1 de 4: orçamento para seu destino

  1. 1
    Escolha um destino barato. Alguns lugares são considerados locais de pechincha durante todo o ano, como Canadá e Panamá. Eles geralmente oferecem opções econômicas de hospedagem, alimentação, entretenimento e passagens aéreas. Você pode encontrar muitos desses lugares escolhendo "em todos os lugares" como seu destino em um site de viagens.
    • Outra opção inteligente é identificar um local de alto tráfego, como Paris, e depois viajar para uma cidade menor fora dele. Isso é chamado de viagem "secundária".
  2. 2
    Vá durante a baixa temporada. A maioria dos lugares tem baixa temporada para turistas, quando menos gente vem e os preços caem. Para o Caribe, geralmente é de abril a agosto. A baixa temporada da Europa é de janeiro a março. Os visitantes da África encontram melhores preços de maio a setembro. Você também pode contatar suas acomodações diretamente antes de fazer a reserva e perguntar quando o período de entressafra começa e termina.
    • A baixa temporada geralmente coincide com um clima menos do que o ideal, portanto, leve isso em consideração ao fazer as malas.
  3. 3
    Reúna informações sobre suas despesas diárias. Se você planeja comer fora, procure cardápios de restaurantes em seu destino. Ou acesse a Internet e descubra o custo médio de alimentos básicos, como leite, para essa área. Se você for dirigir, pesquise online os custos de gás e pedágio para o seu destino. Você também pode comprar ingressos para museus ou outros ingressos com antecedência, para saber quanto está gastando em entretenimento.
  4. 4
    Crie um orçamento. Comece escolhendo seu destino e o número de dias que deseja viajar. Em seguida, estime quanto você precisará comprar um voo. Use as informações que você reuniu sobre alimentação, entretenimento e outras despesas para determinar o custo de vida diário. Some todos os seus custos até ter uma estimativa total da viagem.
    • Se você dividir a estimativa total da viagem pelo número de dias que está viajando, saberá o custo por dia. Isso o ajudará a determinar se você pode pagar uma viagem mais longa ou se precisa abreviá-la.
    • Analise os custos da viagem e veja se há áreas onde você pode cortar custos, como comer mais em vez de jantar fora.
Fazer com um orçamento limitado
Você pode se surpreender com o que pode ver e fazer com um orçamento limitado.

Método 2 de 4: chegar lá com orçamento

  1. 1
    Loja de comparação de passagens aéreas. Verifique sites de passagens aéreas com desconto, como o Skyscanner, pelo menos uma vez por dia em busca de ofertas para o seu destino ou apenas uma passagem de baixo preço em qualquer lugar. Quanto mais flexível você puder com seu destino e datas, melhores opções você terá. Não tenha medo de viajar com companhias aéreas de baixo custo, pois elas provavelmente oferecerão menos comodidades, mas tarifas mais baratas.
    • Inscreva-se para receber alertas de e-mail ou texto nos sites e eles entrarão em contato com você quando os preços caírem. Você também pode se inscrever em um aplicativo, como o Hopper, que rastreará os preços dos voos para você.
    • Antes de clicar no botão "Reservar" final, certifique-se de saber exatamente o que está recebendo, incluindo quaisquer impostos ou taxas associadas. Por exemplo, alguns sites podem adicionar taxas administrativas extras ao preço inicial.
    DICA DE ESPECIALISTA

    Allyson edwards, consultor internacional, aconselha: "Considere pesquisar voos em sites nativos de seu destino internacional. Às vezes, pagar em uma moeda diferente - mesmo com taxas de câmbio - pode realmente economizar dinheiro.

  2. 2
    Voe em horários e horários estranhos. Se você está procurando uma oferta, opte pelo primeiro voo oferecido pela manhã, pois normalmente custará menos. O mesmo vale para viagens às quartas-feiras, já que costumam ser muito mais baratas do que uma passagem de fim de semana. Considere fazer uma rota de "boca aberta", o que significa que você vai voar para uma cidade e sair de outra.
    • Também é melhor voar na terça ou no sábado. Evite viajar às sextas e aos domingos a todo custo, pois eles são os mais caros.
    • Se você não puder fazer um voo de manhã cedo, suas próximas melhores opções são os horários imediatamente próximos ao almoço ou jantar.
  3. 3
    Evite taxas aéreas extras. Acesse o site da sua companhia aérea e leia as listas de taxas. Isso informará se eles cobrarão por embarque prioritário, check-in online ou bagagem com um determinado peso ou número. Algumas companhias aéreas também fazem com que você pague preços altos por alimentos ou bebidas. Nesse caso, você pode economizar muito dinheiro trazendo alguns lanches a bordo.
  4. 4
    Dirija se você escolheu um destino local. Se você tem um carro pessoal confiável, vá em frente e use-o. Outra opção é alugar um carro; apenas certifique-se de comparar as taxas. Se você não tiver certeza se voar ou dirigir será mais barato, acesse um site de "ferramenta de gás" on-line e insira a rota e o modelo do carro. O site fornecerá uma estimativa de custo.
    • O serviço de parques em sua área pode até fornecer passeios panorâmicos sugeridos em seu site.
Você pode encontrar muitos desses lugares escolhendo "em todos os lugares" como seu destino em um site
Você pode encontrar muitos desses lugares escolhendo "em todos os lugares" como seu destino em um site de viagens.

Método 3 de 4: hospedagem e alimentação em sua viagem

  1. 1
    Escolha um hotel. Encontre um albergue em seu destino acessando um site de listagem, como o Hostelworld. Leia as descrições cuidadosamente e faça uma lista dos locais em sua faixa de preço. Então, dê uma olhada nas revisões recentes. Os albergues costumam ser boas opções para os viajantes que gostam de uma atmosfera jovem e animada para grupos.
    • Esteja ciente de que muitos hostels colocam várias pessoas na mesma sala, mesmo de partes diferentes. Certifique-se de que você está confortável com isso antes de reservar.
    • Alguns albergues têm cozinha comunitária ou áreas de lavanderia que podem economizar muito dinheiro ao viajar.
  2. 2
    Alugue um quarto. Muitos sites, como o Airbnb, agora oferecem aos viajantes a opção de ficar na casa de alguém. Você pode fazer de tudo, desde alugar uma casa grande até ficar no sofá por alguns dias. Considere cuidadosamente o que você prefere antes de reservar, como quanta privacidade você gostaria. Leia todos os comentários disponíveis e entre em contato com o proprietário com perguntas adicionais.
    • Muitos desses sites lidam com o processo de pagamento, de modo que nenhum dinheiro é trocado no local.
    • Confie nos seus instintos ao seguir esse caminho e nunca fique em um lugar que você acha que não é seguro.
  3. 3
    Fique com amigos ou família. Vá para um lugar onde você sabe que tem um lugar livre para ficar. Certifique-se de informar as datas com antecedência para ter certeza de que não há problema em vir. Se você tiver sorte, seus amigos ou familiares podem até se oferecer para servir como guias turísticos gratuitos da área. Para ajudar e ainda economizar dinheiro, você pode se oferecer para comprar mantimentos ou cozinhar durante a sua estadia.
  4. 4
    Faça suas próprias refeições. Pare em um mercado local e compre os ingredientes para um piquenique. Reserve um quarto que tenha uma geladeira ou cozinha compacta que você pode estocar com mantimentos para as suas férias. Comer fora pode ser uma experiência, mas também pode conversar com os habitantes locais enquanto você decide que comida comprar. Esta é uma ótima maneira de experimentar os alimentos de especialidade de uma região.
    • Se você não tem a opção de fazer refeições completas, compre alguns lanches em uma loja local para levar com você.
Não tenha medo de viajar com companhias aéreas de baixo custo
Não tenha medo de viajar com companhias aéreas de baixo custo, pois elas provavelmente oferecerão menos comodidades, mas tarifas mais baratas.

Método 4 de 4: mantenha-se entretido

  1. 1
    Passe algum tempo fora. A natureza é uma das opções mais baratas e valiosas de entretenimento durante as viagens. Pesquise um pouco com antecedência para descobrir o que seu destino tem a oferecer em termos de atividades ao ar livre. Você pode descobrir que eles são conhecidos por fazer caminhadas, pescar, acampar ou andar de caiaque. Escolha uma atividade adequada ao clima e não tenha medo de ultrapassar seus limites.
  2. 2
    Faça passeios gratuitos a pé. Muitas cidades em todo o mundo têm guias experientes para mostrar os pontos turísticos por algumas horas. Esta é uma opção especialmente boa para locais históricos ou cidades universitárias, onde os alunos geralmente atuam como guias. Encontre um pesquisando o nome da sua cidade e "passeio a pé gratuito" online.
    • Acesse um site de viagens e procure comentários sobre o seu guia específico, especialmente se houver várias opções.
    • Mesmo que o passeio seja gratuito, a maioria dos guias espera algum tipo de dica.
  3. 3
    Use um passe de desconto para estudante, idade ou profissão. Se você obtiver um Cartão de Identidade de Estudante Internacional (ISIC), disponível em vários sites de viagens, ele o ajudará a se qualificar para uma ampla variedade de descontos em museus e outras atrações. Os professores geralmente podem obter descontos nos ingressos para locais turísticos, bem como, ao mostrarem seus documentos de identidade. Se você tem mais de 65 anos, também não custa perguntar sobre preços mais baixos, já que muitos pontos turísticos oferecem tarifas para idosos.

Pontas

  • Sempre pergunte sobre os preços em um bar ou restaurante antes de fazer o pedido. Isso permitirá que você saiba o que esperar de sua fatura final. E, quando receber sua fatura, leia com atenção antes de pagar.
  • Antes de viajar, investigue a atitude em relação às gratificações em seus destinos. A maioria dos lugares exige uma gorjeta de 10% ou até menos.

Avisos

  • Certifique-se de manter sua segurança em mente. Planeje sua viagem com cuidado, para não sentir a necessidade de sacrificar seu bem-estar para economizar dinheiro.
  • Se você optar por trocar moeda, use apenas agências que publicam as taxas de compra e venda. Isso permitirá que você saiba se o local está vendendo a moeda ou não.

Perguntas e respostas

  • Desde quando Paris é uma cidade?
    Paris é uma cidade há mais de um milênio.

Comentários (4)

  • lernser
    Isso foi muito informativo e útil. Obrigado por fornecer a pesquisa e compartilhá-la conosco.
  • claudiabaptista
    Dicas incríveis! Certamente irei usá-los.
  • qsaraiva
    Muito informativo e escrito de uma forma facilmente compreensível.
  • hamillcicero
    As informações eram precisas para viajar.
Aviso Legal O conteúdo deste artigo é para sua informação geral e não se destina a ser um substituto para consultoria jurídica profissional ou financeira. Além disso, não se destina a ser invocado pelos usuários na tomada de quaisquer decisões de investimento.
Artigos relacionados
  1. Como escolher uma empresa de liquidação de dívidas?
  2. Como solicitar o auxílio à renda?
  3. Como proteger a economia em uma recessão?
  4. Como sobreviver ao colapso econômico total?
  5. Como fazer um orçamento durante uma recessão?
  6. Como medir uma recessão?
Este site usa cookies para analisar o tráfego e para personalização de anúncios. Ao continuar a navegar neste site, você indica que aceita o uso de cookies. Para mais informações visite nossa Política de Privacidade.
FacebookTwitterInstagramPinterestLinkedInGoogle+YoutubeRedditDribbbleBehanceGithubCodePenWhatsappEmail