Este site usa cookies para analisar o tráfego e para personalização de anúncios. Ao continuar a navegar neste site, você indica que aceita o uso de cookies. Para mais informações visite nossa Política de Privacidade.

Como vender roupas online?

É mais fácil do que nunca vender seus itens online
Com muitos sites e aplicativos dedicados ao varejo, é mais fácil do que nunca vender seus itens online.

Com muitos sites e aplicativos dedicados ao varejo, é mais fácil do que nunca vender seus itens online. As roupas são um item primordial para a venda online porque todo mundo tem roupas velhas ou extras que não usam mais. Com as estratégias certas, você pode transformar suas roupas velhas ou não usadas em uma boa renda extra. Primeiro, você deve escolher a plataforma online certa. Em seguida, prepare suas roupas para o envio e faça uma lista descritiva. Depois disso, você estará no caminho certo para se tornar um vendedor online de sucesso.

Parte 1 de 4: encontrando seu mercado

  1. 1
    Verifique o estado das roupas que deseja vender. Comece avaliando o estado das roupas. Eles são novos ou há vários anos? Diferentes sites são especializados na venda de itens diferentes, e você não comercializaria um item antigo em um site especializado em novos itens. Primeiro, entenda em que condições estão as roupas que você deseja vender.
    • Verifique se as roupas ainda têm etiquetas coladas. Isso é importante para marcar um item como 'Novo'.
    • Mesmo que suas roupas estejam em más condições, isso não significa que nunca serão vendidas. Definir o preço baixo o suficiente ainda pode atrair compradores para itens danificados.
    • Se um item estiver especialmente danificado, você pode comercializá-lo como material de sucata para trapos e ainda potencialmente encontrar um comprador. Nesse caso, um site como o eBay seria sua melhor aposta.
  2. 2
    Categorize suas roupas em estilos. Diferentes plataformas online têm diferentes públicos de nicho. Encontrar o caminho certo ajudará nas suas vendas. Qual é o estilo de suas roupas? Moderno ou vintage? Dividir suas roupas em categorias o ajudará a encontrar o lugar certo para vendê-las.
    • Sites gerais geralmente se especializam em "marcas de shopping" casuais, como a Old Navy. As pessoas nesses sites procurarão um negócio que não conseguirão na loja.
    • Roupas formais atraem um público especializado, mas também podem caber em um site geral onde as pessoas procuram ofertas.
    • Roupas vintage ou antigas devem estar em um site mais especializado, onde as pessoas estariam mais dispostas a pagar por esses estilos.
  3. 3
    Investigue sites e aplicativos para ver onde suas roupas se encaixam. Diferentes sites e aplicativos atendem a diferentes mercados e têm diferentes processos de vendas. Observe várias plataformas, prestando atenção aos estilos que atendem e seus processos para trabalhar com os vendedores.
    • A Etsy, por exemplo, foca em itens artesanais. Se você tem um hobby de tricotar suéteres, esta pode ser a plataforma perfeita.
    • O RealReal, ao contrário, é especializado em marcas e itens de luxo.
    • O eBay normalmente vende quase tudo, então se você não conseguir encontrar um nicho específico, este site pode ser seu melhor ponto de partida.
    • Além disso, leve em consideração quanto trabalho você está disposto a fazer ao investigar sites. Alguns sites apenas listam os itens e desejam que você cuide do envio, e alguns solicitam que você envie os itens para eles. Descubra como cada site funciona e decida qual é mais atraente para você.
  4. 4
    Verifique a comissão e as taxas que os sites cobram. Seu objetivo é ganhar dinheiro, e você não pode ganhar dinheiro se pagar todos os seus lucros de volta em taxas. As plataformas online têm diferentes condições e taxas. Alguns cobram uma porcentagem da venda e alguns cobram uma taxa fixa. Esteja ciente dessas taxas, pois elas podem afetar seus resultados financeiros ao fazer uma venda.
    • Preste atenção também quando as taxas são aplicadas. Eles cobram uma comissão quando você vende um item ou cobram uma taxa para mantê-lo listado? Se for o último, certifique-se de listar apenas os itens que venderão rapidamente, para não ficar preso a pagar taxas enquanto ele estiver armazenado.
  5. 5
    Investigue itens semelhantes ao que você está vendendo. Ao considerar um site, veja se itens semelhantes ao seu já estão listados. Isso mostra se o item seria uma boa opção para o público de nicho de um determinado site.
    • Veja a quais preços esses itens estão listados para ter uma ideia de como definir o preço de seu próprio item.
    • Também preste atenção em como esses itens vendem em cada site. Por exemplo, se um suéter exatamente como o que você está vendendo estiver listado por 3 meses em um site, essa plataforma pode não ser o melhor site para escolher.
  6. 6
    Diversifique seu mercado usando diferentes sites. Só porque você começou a vender em um site, não significa que você está preso a ele. Se você tiver um item que se encaixa melhor em um site diferente, liste-o lá. Isso diversifica sua renda.
    • No entanto, não liste o mesmo item em vários sites. Quando você for descoberto fazendo isso, isso prejudicará sua reputação de vendedor e poderá até mesmo fazer com que você seja banido de alguns sites.
  7. 7
    Inicie uma conta de comprador no site que você usa. Esta é uma boa maneira de aprender como funcionam os sites antes de listar seus próprios itens. Também ajuda a vender melhor seus próprios itens. Sites e aplicativos de varejo oferecem suporte a usuários ativos. Se sua conta estiver regularmente ativa, os itens que você listar terão uma classificação melhor e serão mais visíveis para os compradores.
    • As etapas para configurar uma conta de comprador e vendedor variam de acordo com o site. Para uma conta de vendedor, geralmente um cartão de crédito e endereço de cobrança são suficientes. Para uma conta de vendedor, geralmente você precisa vincular uma conta bancária para poder receber pagamentos. Siga todas as etapas necessárias para qualquer site com o qual você trabalha.
    • Os vendedores online costumam se considerar parte de uma comunidade. Por ser um comprador ativo e também um vendedor, você pode formar relacionamentos que ajudarão em suas próprias vendas.
Dividir suas roupas em categorias o ajudará a encontrar o lugar certo para vendê-las
Dividir suas roupas em categorias o ajudará a encontrar o lugar certo para vendê-las.

Parte 2 de 4: preparando suas roupas para venda

  1. 1
    Lave ou refresque todos os itens usados. Seus clientes devem receber um produto nas melhores condições possíveis. Se for vender roupas usadas, certifique-se de que estão lavadas e sem manchas ou rugas.
    • Considere lavar a seco itens mais frágeis para obter os melhores resultados.
    • Não lave roupas novas! Normalmente, a lavagem o desqualifica como 'Novo' e você terá que vendê-lo como 'Usado'.
  2. 2
    Tire fotos do item em alta qualidade. As fotos ajudam o comprador a ver se o item que está considerando é real e está em boas condições. Boas fotos também ajudam a destacar seus itens em qualquer mercado que você está vendendo, melhorando suas vendas. Coloque o item em uma superfície plana com bastante iluminação. Posicione algumas lâmpadas extras ao redor do item se a área não tiver luz natural suficiente.
    • Tire fotos de todos os ângulos para dar ao comprador uma visão completa do item que está comprando. Concentre-se em quaisquer estampas ou padrões que você gostaria de destacar.
    • Se uma área da sua casa tem cores ou luzes que acentuam o seu produto, fotografe aqui para dar ao comprador um atrativo visual extra para verificar o item.
    • Se o seu item ainda tiver tags anexadas, inclua um close-up para que os compradores saibam que o item é novo.
  3. 3
    Espere para listar se seu item não está na temporada. O tempo é importante no varejo. Os itens que estão na temporada venderão mais rápido e por um preço mais alto do que os itens fora da temporada. Leve a temporada em consideração antes de listar seu item.
    • Por exemplo, se for julho, um casaco de inverno pode não vender rapidamente. Você pode obter uma venda mais rápida e um preço melhor se esperar até que o inverno se aproxime.
A melhor maneira de descobrir um bom preço para seu item é investigando por que itens semelhantes
A melhor maneira de descobrir um bom preço para seu item é investigando por que itens semelhantes são vendidos.

Parte 3 de 4: listando seus itens

  1. 1
    Dê um título à sua lista. Seu item deve se destacar à primeira vista para as pessoas que navegam por um site. Um bom título descreve o item de forma concisa. Isso chama a atenção e transforma o espectador em um comprador potencial.
    • Os títulos devem incluir todas as informações básicas que um comprador deve ter sobre o item. Por exemplo, "Novo - Camiseta masculina azul, grande". Observe as letras maiúsculas. Isso é comum para ajudar os títulos a se destacarem.
    • Mencione também a marca que este item está no título.
  2. 2
    Escreva uma descrição precisa do seu item. Os clientes devem saber exatamente o que estão comprando. Inclui todas as medidas, cores e recursos do item. Descreva quaisquer defeitos também, porque se um cliente descobrir esse defeito e ele não for descrito, ele pode solicitar um reembolso. É muito melhor estabelecer sua reputação como vendedor honesto do que tentar ganhar alguns dólares a mais escondendo defeitos.
    • Uma descrição precisa também inclui uma categoria precisa. Por exemplo, não classifique o seu item como 'Boa' condição se estiver coberto de manchas. Descrições honestas são muito melhores.
    • Alguns sites levam muito a sério as descrições imprecisas. Se um comprador receber um item que não corresponda à descrição que você forneceu, o site pode suspender ou banir sua conta.
  3. 3
    Defina o preço do seu item. A melhor maneira de descobrir um bom preço para seu item é investigando por que itens semelhantes são vendidos. Pesquise o site em que você está vendendo e veja qual é o preço médio de venda do seu item. Seguir essa média geral é um bom guia de onde você deve definir o preço de seus itens.
    • Se você está procurando um preço para comparar, pesquise por 'Vendido recentemente' em vez dos itens que estão listados no momento. Muitos sites permitem que os vendedores definam o preço dos itens da maneira que quiserem, e isso não significa que alguém vai comprar por esse preço. Ver os itens realmente vendidos dá uma ideia melhor do que é um bom preço.
    • Lembre-se de levar em consideração os custos de envio ao definir o preço de seu item. Alguns sites fornecem uma etiqueta ou caixa de remessa pré - paga, mas alguns esperam que você mesmo remeta. Se você não estiver atento, poderá perder todo o seu lucro para os custos de envio.
    • Embora você possa querer ter lucro, os compradores não se importam com o que você pagou por um item. Se você pagou 7,50€ por uma camisa e deseja listá-la a 11€ para ter lucro, ela não venderá se camisas semelhantes estiverem listadas a 6€
  4. 4
    Envie suas fotos. Alguns sites têm um número definido de fotos de que precisam. É uma boa prática fazer upload de quantas fotos o site permitir, para que os compradores possam ver o máximo possível de ângulos de suas roupas. Isso os ajuda a ver que o item é real e aumenta sua disposição de comprar.
    • Se o seu item não vende rapidamente, considere atualizar as fotos. Obter melhor iluminação ou mais ângulos pode fazer seu item se destacar mais e atrair mais compradores.
  5. 5
    Defina o seu método de envio, se o site permitir. Alguns sites permitem que os vendedores escolham o método de envio que usam. As opções são geralmente remessa padrão do serviço postal dos EUA ou remessa expressa com a transportadora com a qual o site trabalha.
    • Se você for o responsável pelo envio dos itens, use um método de embalagem de alta qualidade. Embora as roupas geralmente não sejam frágeis, elas ainda podem ser danificadas durante o transporte. Use um envelope à prova d'água ou embrulhe tudo em um saco plástico para evitar danos por água.
As roupas são um item primordial para a venda online porque todo mundo tem roupas velhas ou extras
As roupas são um item primordial para a venda online porque todo mundo tem roupas velhas ou extras que não usam mais.

Parte 4 de 4: vendendo suas roupas

  1. 1
    Deixe os compradores negociarem, se o site permitir. Alguns sites, como o eBay, permitem que os compradores façam uma oferta a um vendedor abaixo do preço de tabela. O objetivo das compras online é encontrar negócios, para que os compradores sintam que estão fazendo uma pechincha. Esteja pronto para dar a um comprador sua contra-oferta se ele indicar um preço baixo. Se o comprador obtiver algo abaixo do preço de tabela, provavelmente será um cliente feliz e retornará no futuro.
    • Ao negociar, saiba que preço você pode aceitar de forma realista pelo seu item sem sofrer prejuízo financeiro.
    • Ter uma perda financeira em uma negociação também pode ser estratégico. Se você sentir que o comprador se tornará um cliente regular, não tenha vergonha de oferecer a ele um bom negócio agora para atraí-lo.
    • Mesmo se você se mantiver firme em seu preço, não seja rude. Diga: "Obrigado por sua oferta. Este é o melhor preço que posso fazer no momento." Isso evita irritar clientes em potencial, que podem não retornar se você lhes der uma atitude.
  2. 2
    Abaixe seu preço se o item não vender. Se já se passaram várias semanas e ninguém comprou seu item, seu preço pode estar muito alto. Considere descontar o item para atrair mais compradores.
    • Se você for um novo vendedor, pode perder os primeiros itens que listar, porque ainda não estabeleceu sua reputação. Definir o preço de seus primeiros itens pode ser uma ótima maneira de reunir críticas positivas e obter mais clientes no futuro.
  3. 3
    Envie seus itens o mais rápido possível. Se você for responsável pelo envio de seus próprios itens, faça-o assim que a venda ocorrer. Isso estabelecerá sua reputação como um bom vendedor, porque os clientes apreciam um serviço rápido.
    • Certifique-se de fornecer todas as informações de envio necessárias ao cliente para que ele possa rastrear seu pedido. Às vezes, você fornece isso diretamente ao cliente e às vezes carrega essas informações no site. Siga qualquer processo que sua plataforma de vendas use.
  4. 4
    Pratique o atendimento ao cliente educado. Se você vende regularmente online, provavelmente se comunicará com os clientes em algum momento. Trate todos os seus clientes com respeito e boas maneiras. Responda a todas as perguntas e dúvidas rapidamente. Mesmo que o seu cliente não seja educado, mantenha o seu profissionalismo e não perca a paciência.
    • Se o cliente tiver uma reclamação legítima, esteja disposto a reembolsar o dinheiro se ele devolver o item. Isso pode manter sua reputação como um bom vendedor e evitar comentários negativos.
    • Guarde todas as informações sobre todas as vendas que você fizer. No caso de você encontrar um cliente tentando fraudá-lo, você pode apresentar todas as informações dele no site e relatar o caso.
Aviso Legal O conteúdo deste artigo é para sua informação geral e não se destina a ser um substituto para consultoria jurídica profissional ou financeira. Além disso, não se destina a ser invocado pelos usuários na tomada de quaisquer decisões de investimento.
Artigos relacionados
  1. Como usar o dinheiro extra para cuidados na CVS?
  2. Como ter um casamento barato?
  3. Como planejar um casamento dentro do orçamento?
  4. Como planejar um casamento de baixo orçamento?
  5. Como ter um casamento único e barato
  6. Como planejar um casamento barato?
FacebookTwitterInstagramPinterestLinkedInGoogle+YoutubeRedditDribbbleBehanceGithubCodePenWhatsappEmail